Mazda Açores, TT Team - Página Inicial

Açores
Redes Sociais: RSS MEO Kanal

Historial

    DA IDEIA À PRIMEIRA VERSÃO DO VEÍCULO

    O projecto Mazda Açores TT Team surge quando Bruno Oliveira, já envolvido no todo o terreno e ligado à Mazda pela via profissional, na qualidade de gerente de concessão, decide desenvolver um projecto desportivo diferente de todos os existentes até então na Europa: decide desenvolver e introduzir na competição Todo o Terreno, um veículo Mazda B2500.

    A ideia inicial era ter como veículo base a Mazda B4000, equipada de série com o motor 4.0 a gasolina, com cerca de 220 cv, comercializado nos Estados Unidos. A impossibilidade de homologar o referido motor na Europa, levou a que se acabasse por adoptar o motor que equipa o modelo em Portugal, um 2.5 a diesel, com 109 cv.

    Em Maio de 2005, é apresentado um primeiro draft do projecto à Mazda Motor de Portugal, estabelecendo como principais objectivos os seguintes:

    • Introduzir a marca Mazda na competição Todo o Terreno em Portugal;
    • Testar a fiabilidade do produto neste tipo de utilização;
    • Desenvolver, com base na experiência adquirida prova a prova, um protótipo de transformação da Mazda B em veículo de competição Todo o Terreno;
    • Criar uma imagem desportiva em torno do modelo Mazda B e da marca em geral.

    Com o apoio da Mazda Motor Portugal, que com o seu já conhecido espírito empreendedor abraçou o projecto da RPFII, concessão Mazda, e com muito empenho pessoal do responsável pelo projecto, Bruno Oliveira, em Agosto de 2005 iniciava-se a transformação do veículo e em Novembro do mesmo ano faziam-se os primeiros testes ao mesmo, na prova 24 horas TT Vodafone em Fronteira.

    As transformações então introduzidas no veículo envolveram a suspensão, que foi substituída por uma suspensão OHLINS, o chassis, que foi todo reforçado e o motor, no qual se acoplou um intercooler de maior capacidade e um kit de potência especialmente desenvolvido para este veículo.  Para além das acima referidas, foram introduzidas as alterações relacionadas com os sistemas de segurança e de comunicações necessários na competição Todo o Terreno.

    AS PROVAS E O DESENVOLVIMENTO DO VEÍCULO

    As 24 horas TT Vodafone, em Novembro de 2005, foram a primeira prova em que participou a 1.ª versão da Mazda B2500 de competição. O veículo, pilotado por Bruno Oliveira, Jorge Natário, José Ferraz e Rogério Ferraz, conseguiu terminar a prova mas teve de ultrapassar as dificuldades associadas à juventude do produto nas lides da competição. As dificuldades criadas por uma caixa de velocidades que se partiu e que teve de ser substituída resultaram num sofrido e merecido 22.º lugar da geral.

    A experiência desta prova veio colocar a aquisição de uma caixa de velocidades de competição como medida prioritária no desenvolvimento futuro do produto.

    Em Fevereiro de 2006, em Arraiolos, é feita a apresentação do projecto Mazda Açores TT Team à rede de concessionários, com uma demonstração do produto em pista.

    Em Maio de 2006, ainda com a caixa de velocidades de origem, decidiu-se colocar à prova o veículo numa prova ainda mais dura que as 24 horas: o Transibérico, prova integrada nos campeonatos nacional e internacional de Todo o Terreno e que percorre pistas portuguesas e espanholas.

    Durante o primeiro dia de prova foram percorridos 800 kms, tendo a caixa de velocidades resistido até aos 750 kms, altura em que se partiu a 3.ª velocidade. Os 50 kms finais foram feitos com a caixa já danificada, com uma condução condicionada, até ao parque de assistência. Durante a noite foi substituída a caixa de velocidades e o veículo apresentou-se na manhã seguinte no início da segunda etapa da prova. Aos 160 kms de prova, foi a caixa de direcção que cedeu, o que obrigou a equipa a abandonar a competição.

    A experiência desta prova veio não só confirmar ser imprescindível o recurso a uma caixa de velocidades de competição como também a necessidade de se reforçar a caixa de direcção.

    Os meses seguintes foram meses dedicados ao desenvolvimento técnico do veículo. Foi montada uma caixa de velocidades de competição SADEV, tipo H, reforçados os diferenciais e pontes, reforçada a caixa da direcção e alargadas as vias para receber a frente da nova Mazda BT50, toda ela construída em fibra. Os trabalhos de transformação da viatura foram desenvolvidos pelo preparador José Ferraz.

    A  prova seguinte foram as 24 horas TT Vodafone, em Novembro de 2006.

    A prova permitiu concluir pela adequabilidade e excelente evolução permitida pela nova caixa de velocidades SADEV e atestar a melhor estabilidade que o alargamento de vias concedeu ao veículo.

    Ao longo de 2007, as participações nas provas do campeonato Nacional de Todo o Terreno tiveram como objectivo a detecção de pontos fracos e oportunidades de melhoria no veículo. Tratou-se de um trabalho de equipa, desenvolvido pelo próprio piloto, Bruno Oliveira, e pelo preparador, José Ferraz.

    O projecto ganhou outra dinâmica. Passou a ser gerido numa dupla perspectiva – a desportiva e a promocional, tendo como principais marcas a promover, a Mazda e os Açores, na qualidade de destino turístico. Contratou os serviços de consultoria técnica de um conceituado e experiente profissional da área da preparação de viaturas de competição; estabeleceu, para os preparadores, remunerações indexadas ao cumprimento de objectivos e resultados; trabalho na diversificação de patrocinadores, por forma a garantir um mínimo de recursos financeiros, que garantisse a boa prossecução dos objectivos do projecto e, por fim, passou a organizar sessões de testes de produto, por forma a alcançar o mais rapidamente possível a fase de maturidade técnica do veículo e a minimizar os imprevistos em prova.

    Os resultados de um ano de empenho e muitos esforços pessoais do piloto e da sua equipa, fizeram-se sentir em 2008.

    Vencedor do entretando criado Desafio ELF Mazda em 2008, Bruno Oliveira foi o primeiro açoriano a conquistar um título nacional na modalidade de Todo-o-Terreno, aquela que mais se destaca entre as diversas disciplinas do desporto automóvel em Portugal.

    A Equipa Mazda Açores TT Team conseguiu vencer todas as provas do Desafio ELF Mazda, o que, aliado a boas classificações à geral nas provas do Campeonato Nacional de Todo o Terreno, garantiu a presença regular do Mazda Açores TT Team na comunicação social, imprensa e televisão, colocando os Açores em destaque durante a temporada de 2008 e evidenciando o potencial de divulgação da região através do desporto automóvel.

    Para 2009 e 2010 a equipa propõe-se a dar continuidade ao seu projecto desportivo e promocional e alargar o completo serviço de comunicação e imagem que a tem caracterizado, promovendo os Açores, um destino turístico de excelência, muito associado ao desporto, à aventura e à natureza, no continente português e internacionalmente.

Calendário

Patrocinadores Mazda Açores TT Team

Açores Proconvergencia União Europeia Açores
Web Development Via Oceânica 2009